Beber até morrer, essa é a solução

Vou falar um negócio que pode me render olhares tão ou mais horrorizados, não, horrorizado é muito forte, horrorizado a gente fica quando tocam fogo em mendigo, talvez perplexo, um negócio que pode me render olhares um tanto perplexos. Melhorou. Por outro lado, como dizia Boechat, vivemos num país com duzentos milhões de palhaços, ninguém … Continue lendo Beber até morrer, essa é a solução

Didi e os trapalhões

O homem-da-rua escolheu Bolsonaro. O homem que anda na rua. Que move a economia, sai todo dia de manhã e só volta de noitinha. Que sente na planta-dos-pés as calçadas todas destruídas; as famosas praças onde tantos amores nasceram se reduzindo a mato; os corredores dos hospitais transbordando gente doente, gente com coração ainda. Que … Continue lendo Didi e os trapalhões