Em São Paulo Deus é uma nota de cem

Claro que aqui tem marginalidade, é o que acontece quando se arrasta pra debaixo do tapete a maioria de um país. Quer falar das biqueiras? A gente fala das biqueiras, meninos e meninas de quinze anos que se desdobram em vários olhos pois pior que a polícia, a fome também volta todo dia. Pior ainda … Continue lendo Em São Paulo Deus é uma nota de cem

Anúncios

De repente você desperta. Abre a janela. A primeira brisa da manhã bate como um sorriso. Respira fundo. Silêncio. Um carro passa. Ao fundo um galo atrasado anuncia o novo dia. As necessidades chamam e como é bom estar funcionando, quanta bênção mora numa cagada. Bem-te-vis e maritacas e todo tipo de pássaros voam por … Continue lendo

Meritocracia

Menino pobre, destino comum, onde o pai morreu bem cedo, a mãe trabalha o dia inteiro. Dois empregos. Sai de um vai pro outro. No bairro o que se tem varia entre sinuca, maconha e tiro. Nunca ganhou brinquedinhos que estimulam a concentração, livros pra aguçar a criatividade, noites inteiras no mundo da imaginação. Café … Continue lendo Meritocracia

O fim do dia

Pra quem não gosta de spoiler: no final todo mundo morre. Acontece comigo, acontece com você e não importa se é domingo de eleição, um feriado qualquer ou aniversário do Papa. A morte vem e a gente morre. Mas não vamos falar sobre a morte numa linha geral, o assunto aqui é específico. Entrei na … Continue lendo O fim do dia